Bem-vindos, amigos visitantes!


A finalidade do blog SURDO HK é divulgar o trabalho de ensino especializado e os projetos desenvolvidos por profissionais que atuam na Escola Municipal de Educação Bilíngue para Surdos Helen Keller - EMEBS HK - São Paulo - Brasil.

Municipal Deaf Bilingual School Helen Keller – EMEBS Helen Keller – located in São Paulo City, SP, Braz

SOBRE NÓS...

Nossa história começou em 13 de outubro de 1952, a primeira escola pública de São Paulo a atender crianças surdas. Começamos em Santana, mudamos para o Ipiranga e nos estabelecemos no bairro da Aclimação em 1956.
Nestes 64 anos, presenciamos as transformações educacionais, linguísticas e culturais da Comunidade Surda Nacional, percorremos sua história, do oralismo ao bilinguismo.
Protagonizamos movimentos em defesa da educação para surdos, vivenciamos suas lutas e vitórias.
HISTORICAMENTE, a EMEBS HK transcende o Educacional, é um ESPAÇO SURDO legitimado pela comunidade surda e lideranças nacionais, palco de importantes eventos, discussões e deliberações políticas pelos DIREITOS DOS SURDOS.
Com o Decreto nº 52.785 de 10 de novembro de 2011, passamos de Escola de Educação Especial para ESCOLA DE EDUCAÇÃO BILÍNGUE PARA SURDOS e sobre esta concepção de ensino, a nota técnica nº10 do Programa Mais Educação de São Paulo, AFIRMA QUE... "reconhece o direito dos Surdos a uma educação bilíngue que respeite sua identidade e cultura, na qual a LIBRAS é a primeira Língua e, portanto, língua de instrução, e a Língua Portuguesa é a segunda, sendo objeto de ensino da escola na modalidade escrita."
O atendimento especializado foi ampliado sob a luz de novas legislações e hoje a EMEBS Helen Keller é uma escola voltada para educação de crianças, jovens e adultos com surdez, com surdez associada a outras deficiências, limitações, condições ou disfunções e surdocegueira.

Há pouco tempo, muitos destes alunos estavam em suas casas, excluídos do convívio educacional, e foi com muita coragem, empenho e disposição para estudos e pesquisas, que os professores da HK se especializaram ainda mais e assumiram a tarefa de receber esta demanda nas salas de surdos. É um trabalho diferenciado, pois as atividades são pensadas e planejadas individualmente; há uma ampla troca de experiências entre os professores e o compromisso em adaptar as atividades de acordo com as potencialidades e habilidades de cada aluno. As limitações não constituem uma barreira, mas um DESAFIO a ser superado!

16 de set de 2010

Valorização da Educação de Surdos!!!

Veja reportagem do Jornal "BOM DIA SP"...

video

Sensibilidade e informação foram caracteristicas desta reportagem! Veja o que o repórter Tiago Maranhão escreveu no seu BLOG...

ARMADURA DE PAPEL


Jornalista costuma usar uma armadura para trabalhar.
No esporte, para não ser contagiado pela euforia ou frustração de uma torcida, para não levar sua paixão pessoal para a matéria.
Na cobertura policial, para manter a violência do lado de fora e o repórter não precisar se esconder debaixo da cama quando voltar para casa.
Mas essa armadura deve ser porosa. Porque um pouco precisa passar, senão os jornalistas seriam substituídos por robôs.
A caminho da Helen Keller, me preparei para encontrar um lugar triste. É uma escola municipal especial para surdos e imaginei crianças frustradas em um ambiente mal cuidado.
Eu não poderia estar mais enganado. Em um minuto eu já estava desarmado.
Foi uma experiência pra lá de agradável. Encontramos crianças bonitas e felizes numa escola cuidada com muito carinho pela diretora Mônica Amoroso.
“Elas já não escutam, então faço questão de que pelo menos o visual seja agradável”, disse Mônica, enquanto caminhávamos por corredores limpíssimos, mobiliados com cristaleiras da década de 50 e enfeitados com cartazes coloridos nas paredes.
Crianças são sempre crianças. Como em toda escola, na hora do intervalo elas corriam, jogavam bola e… conversavam sem parar.
Tem dia que o melhor é deixar a armadura em casa.


11:32am URL: http://madrugadatimes.tumblr.com/post/1126640517/armadura-de-papel-jornalista-costuma-usar-uma

V FESTIVAL ESPORTIVO E CULTURAL DOS ALUNOS SURDOS DA PMSP


Pelo quinto ano consecutivo, nos dias 22, 23, 24 e 28 de setembro, acontece na cidade de São Paulo o Festival Esportivo e Cultural de Alunos Surdos na Rede Municipal de Ensino que visa promover a integração e o intercâmbio, por meio de atividades culturais e esportivas, entre os alunos com surdez das escolas públicas e privadas.Esse evento tem como objetivo ampliar as oportunidades de socialização, aquisição de hábitos saudáveis, favorecer o surgimento de novos talentos representativos do esporte e da Cultura Surda e comemorar o Dia do Surdo previsto na Lei Municipal 14.485 de 19/07/07, bem como a valorização da Língua Brasileira de Sinais em todas as instâncias sociais.

DOT - Educação Especial

MAIS INFORMAÇÕES VEJA O SITE OFICIAL ...