Bem-vindos, amigos visitantes!


A finalidade do blog SURDO HK é divulgar o trabalho de ensino especializado e os projetos desenvolvidos por profissionais que atuam na Escola Municipal de Educação Bilíngue para Surdos Helen Keller - EMEBS HK - São Paulo - Brasil.

Municipal Deaf Bilingual School Helen Keller – EMEBS Helen Keller – located in São Paulo City, SP, Braz

SOBRE NÓS...

Nossa história começou em 13 de outubro de 1952, a primeira escola pública de São Paulo a atender crianças surdas. Começamos em Santana, mudamos para o Ipiranga e nos estabelecemos no bairro da Aclimação em 1956.
Nestes 64 anos, presenciamos as transformações educacionais, linguísticas e culturais da Comunidade Surda Nacional, percorremos sua história, do oralismo ao bilinguismo.
Protagonizamos movimentos em defesa da educação para surdos, vivenciamos suas lutas e vitórias.
HISTORICAMENTE, a EMEBS HK transcende o Educacional, é um ESPAÇO SURDO legitimado pela comunidade surda e lideranças nacionais, palco de importantes eventos, discussões e deliberações políticas pelos DIREITOS DOS SURDOS.
Com o Decreto nº 52.785 de 10 de novembro de 2011, passamos de Escola de Educação Especial para ESCOLA DE EDUCAÇÃO BILÍNGUE PARA SURDOS e sobre esta concepção de ensino, a nota técnica nº10 do Programa Mais Educação de São Paulo, AFIRMA QUE... "reconhece o direito dos Surdos a uma educação bilíngue que respeite sua identidade e cultura, na qual a LIBRAS é a primeira Língua e, portanto, língua de instrução, e a Língua Portuguesa é a segunda, sendo objeto de ensino da escola na modalidade escrita."
O atendimento especializado foi ampliado sob a luz de novas legislações e hoje a EMEBS Helen Keller é uma escola voltada para educação de crianças, jovens e adultos com surdez, com surdez associada a outras deficiências, limitações, condições ou disfunções e surdocegueira.

Há pouco tempo, muitos destes alunos estavam em suas casas, excluídos do convívio educacional, e foi com muita coragem, empenho e disposição para estudos e pesquisas, que os professores da HK se especializaram ainda mais e assumiram a tarefa de receber esta demanda nas salas de surdos. É um trabalho diferenciado, pois as atividades são pensadas e planejadas individualmente; há uma ampla troca de experiências entre os professores e o compromisso em adaptar as atividades de acordo com as potencialidades e habilidades de cada aluno. As limitações não constituem uma barreira, mas um DESAFIO a ser superado!

23 de dez de 2014

Vídeo do aluno Matheus encerra as atividades da HK 2014!! FANTÁSSSSTICO!!

Vídeo produzido e idealizado por Matheus Schineider
aluno do 8º Ano da EMEBS Helen Keller (2014), com a participação de alunos de todos os períodos. 

É uma versão da música "We are gonna be friends" traduzida para a Língua Portuguesa e Interpretada na Língua Brasileira de Sinais, em homenagem aos alunos formandos de 2014.


Com este vídeo, encerramos nossas publicações de 2014, na expectativa de termos contribuido com informações, ideias e conceitos a cerca da Educação Bilíngue para Surdos, surdocegos e outras deficiências associadas. 
A EMEBS HELEN KELLER sente-se honrada com suas visitas ao Blog Surdo HK e aproveitamos para desejar-lhe boas festas e um expledoroso 2015!!
Contamos com você, que respeita as DIFERENÇAS, na luta pelos direitos linguísticos, educacionais e sociais do Povo Surdo!
AVANTE!!!

Alunos dos 9º Anos se despedem da HK com viagem e formatura!!

Momentos de diversão e emoção encerraram o ciclo de convívio e aprendizagem mútua entre alunos e professores.
A maioria deles, estudaram desde muito pequenos na escola HK: aqui tiveram oportunidade e liberdade de usar a sua língua materna, a Libras, adquiriram conhecimento, Identidade e Cultura Surda, o orgulho de Ser Surdo!



























Emoção potencializada neste 2014, pois escrevemos mais uma página da história dos 62 anos da HK na educação de Surdos em São Paulo, hoje marcada por uma grande vitória: a formatura do nosso primeiro aluno surdocego, Gabriel Souza. Através dele e de outros que chegaram, aprofundamos os estudos na área e nos tornarmos uma referência de ensino nesta modalidade.





Tudo foi perfeito na viagem ao Parque Aquático Thermas do Vale, São José dos Campos, dia lindo,
 como eles merecem!
















































CERIMÔNIA DOS FORMANDOS HK 2014






















































































Parabéns, alunos, pais e equipe HK. 
A PMSP/SME deve se sentir honrada em oferecer à população de SP uma educação com tamanha excelência na área da surdez e deficiências associadas. 
RECONHECIMENTO E VALORIZAÇÃO, aqui há respeito à diferença linguística, compromisso, dedicação e responsabilidade!
Pelo direito à Educação Bilíngue do Povo Surdo!!



DEDICATÓRIAS...

Aos meus queridos alunos...
Meus queridos,

Estas são algumas palavras que eu duvido conseguir expor adequadamente na língua de vocês, então, eu o faço na minha... E espero algum dia ter a felicidade e a decência de sabê-la realmente bem, pra vocês também verem como eu progredi... Por enquanto, uso a minha mesmo... Eu poderia ficar aqui escrevendo por horas sobre as coisas da vida e como vocês as encontrarão caminho a frente, em momentos bons e ruins da vida de vocês, mas não faz sentido explicar sobre coisas que são melhores quando descobertas e vividas na idade certa... assim, apenas uma coisa sobre isso tenho a dizer: no futuro, quando vocês se depararem com elas, por favor, guardem estes momentos no coração e na alma de vocês, pois eles sempre os alegrarão nos dias difíceis e sempre os ajudarão a serem humildes e gratos nos momentos de extrema felicidade...
Quando a gente percebe que uma coisa muito boa aconteceu na nossa vida, nós dificilmente queremos que ela acabe. É assim que eu me sinto. Estou tão, mas tão feliz por vocês, por este momento tão importante, por uma vida inteira que se abre além dos muros da nossa escola, mas tão triste e cabisbaixa por vocês irem... Vocês não estarão por aqui, mas estarão em outras escolas, com outros amigos e outros professores, com uma vida e um milhão de descobertas que os farão serem os melhores adultos do mundo, eu tenho certeza disso! Mas eu sinto uma pontinha de ciúmes de todas as pessoas que ficarão mais próximas de vocês e eu, não... Tenham certeza de que vocês causarão muito deste sentimento em outras pessoas: nos amigos que vem e vão, na família que um dia será a própria de vocês e não somente aqueles de hoje, nos namorados e namoradas que um dia serão trocados por outros até vocês encontrarem uma pessoa especial, nos colegas de trabalho que vocês deixarão de conviver diariamente por uma oportunidade melhor... Mas este sentimento não é ruim, é apenas melancólico... porque a gente sempre tem saudade de tudo o que é bom...
Quando eu comecei a lecionar, eu não sabia bem ao certo o que era isso ou o que significava isso. Eu sempre adorei estudar, sempre gostei dos meus professores, sempre tive objetivos e sempre fui franca em dizer que eu buscaria o melhor para mim. Minha paixão pela vida e pelas coisas que eu acredito sempre me fizeram seguir em uma determinada direção, mas a vida prega tantas peças na gente e eu acabei por ser professora. E eu imaginava que, assim como eu fui quando estudante, uma grande parte dos alunos também seria hoje. O mundo mudou tanto de lá pra cá (não, eu não sou velha!) e eu não me encontrava dentro da sala de aula. Foi difícil! Foi muito difícil... ver tantos alunos perdidos, ver tanto talento desperdiçado, ver tantos profissionais desanimados... E depois de alguns anos, eu comecei a trabalhar nesta escola. Nesta escola que, assim como vocês foram acolhidos, eu também fui... Devo dizer que vocês foram bem pestinhas no começo! Em todos os sentidos! E a comunicação nunca foi fácil... mas as coisas conseguiram se ajeitar e hoje eu estou aqui, quase chorando, pra dizer a vocês: Obrigada!!! Muito obrigada, meus queridos alunos!!! Eu não fui a professora de vocês, foram vocês meus professores! Foi com vocês que eu aprendi que é possível ensinar, que é possível se divertir enquanto se faz isto, que é possível admirar um jovem de 15 anos tanto quanto um velho sábio de 90!!
Pra vocês que voarão por aí, acreditem! Se é possível mudar uma pessoa, por que não é possível mudar umas quinhentas? A vida e a juventude são capazes de fazer isso; trazer ares novos e ideias antes esquecidas ao mundo!!! Não desanimem com as inevitáveis dificuldades que vocês encontrarão pelo caminho: elas serão necessárias pra vocês serem pessoas melhores, para vocês alcançarem os objetivos de vocês, para vocês mudarem um pouco do mundo... Acreditem que o mundo é bem maior do que vocês hoje pensam! Ele pode parecer enorme, mas ele é maior ainda... Façam tudo o que desejarem com responsabilidade, com educação, com respeito e com inteligência! E eu espero os encontrar daqui a alguns anos, em algum momento da vida, pra lhes abraçar e para lhes agradecer mais uma vez!!
Um beijo enorme!!!
Erica



Os anjos se formaram e eu, que nunca tive vergonha de chorar, usei os dutos lacrimais mais que nunca.
Todo meu carinho ao 9A, 9B, 9D e aos três do 9C mais que querido: Patrícia linda, de verde, divando do alto da sua cadeira de rodas, extasiada ao chegar na escola e ver todo mundo tão bonito quanto ela; Rayane glitterizada, de azul, que tava num dia bem Rayane, não quis falar comigo, riu debochada e escandalosamente ao me ver de turbante e me mandou embora algumas vezes (não estranhem, é afeto); e Frederico, estranhando porque estava sem terno, que fez uma entrada magistral, toda perdida e autoral, cheia de idas e voltas e uma agachada no meio da passarela pra ser fotografado em hora "imprópria". Patrícia, Rayane e Fred, deficiência intelectual é só uma nomenclatura pejorativa daqueles que definiram o que é normalidade num mundo tão heterogêneo como o nosso, um termo repleto de preconceito e carga negativa pra definir aqueles que não se encaixam na normatividade cognitiva esperada por todos. Eu aprendi tanto com vocês! Desde o primeiro dia até ontem, pude ser abraçado a cada dia que vi Patrícia, minha mimada preferida, se nos vimos 100 vezes, 100 vezes fui abraçado carinhosamente; pude ser fortemente abraçado e fortemente rechaçado pela Rayane em questão de segundos, minha bipolarzinha preferida, sendo chamado de lindo, de feio e principalmente de folgaaaadooo durante o ano; e pude ser agraciado pela competência e capricho de Frederico, meu fotógrafo preferido. Deficientes não são vocês, deficiente fui eu em não entender muitas vezes as demandas necessárias e urgentes que vocês traziam, demorei a entender que mesmo com aula planejada, trabalhar no 9C é saber como introduzir os conceitos mas permitir que vocês conduzam a aula pra nunca saber como vai terminar. Tão inteligentes, a despeito do termo que lhes denominam, que posso dizer que foi a turma que mais me ensinou nesses poucos 11 anos de magistério. O que vocês "perdem" em cognição ganham em liberdade. É isso! Vocês são LIVRES! Tão livres que foram embora sem se despedirem de mim, tão livres que nem sabem que um ciclo terminou, tão livres que não se permitiram acompanhar a burocracia do ensino e fizeram do ensino fundamental uma festa. Brigado, anjos, a todos, mas bem mais aos três.

Professor Laércio Candido